Boi: Maior interesse comprador eleva preços

A liquidez no mercado pecuário está um pouco maior frente à observada em semanas anteriores. Segundo pesquisadores do Cepea, representantes de frigoríficos estão mais interessados em adquirir novos lotes de boi gordo para abate, enquanto muitos vendedores estão retraídos.

Com isso, esses compradores precisam, em muitos casos, elevar os valores para conseguir realizar novos negócios. Entre 12 e 19 de abril, o Indicador ESALQ/BM&FBovespa (São Paulo, à vista) subiu 1,1%, fechando a R$ 137,99 nessa quarta-feira, 19 – no acumulado parcial de abril (até o dia 19), no entanto, o Indicador ainda registra baixa de 1,2%. No atacado da Grande SP, a carcaça casada bovina se valorizou 2% em sete dias, indo para R$ 10,19/kg –desde o final de fevereiro, esse corte não era negociado acima dos 10 reais.