As ações do frigorífico JBS aparecem entre as quedas nesta manhã, enquanto os investidores analisam uma medida cautelar do governo da Itália, anunciado na quarta-feira sobre Grupo Cremonini, de quem a JBS adquiriu 50% da Inalca, formando assim a Inalca JBS. Há pouco, JBS cedia 0,37%, ante queda de 0,31% do Ibovespa. Marfrig ON cai 1,57%.

A decisão, anunciada ontem, arquiva uma medida cautelar com as autoridades italianas com o objetivo de tratar assuntos pendentes de Governança Corporativa com o Grupo Cremonini, de quem a JBS adquiriu 50% da Inalca, formando assim a Inalca JBS (que representa 2,8% da receita consolidada da JBS). “JBS opera hoje impactada pelo cenário negativo descrito no documento, bem como por uma elevada ociosidade”, disse uma analista.

Minerva

Já o papel do Minerva subia 1,31%, momentos atrás, repercutindo o anuncio da emissão de R$ 200 milhões em debêntures com esforços restritos. Na tarde de ontem, o conselho de administração do frigorífico aprovou a emissão com vencimento em 10 de julho de 2015. Os recursos obtidos com a operação serão destinados exclusivamente ao alongamento do perfil do

passivo da companhia, não implicando em aumento do endividamento.

 

Fonte: Estadão